quarta-feira, 21 de novembro de 1984

Riso de lágrima

Sabe menina
Sou aparentemente tão forte
E você parece tão frágil,
Mas descobri
Que ser forte por fora
É ser covarde por dentro
Sentir que está tão perto
Ter medo que aconteça
Lutar por uma vitória
E não querer levantar o troféu,
É tomar um copo de cerveja
Preferindo tomar mel
É ser um mocinho da fita
E no fim acabar morrendo,
Por isso menina
Quando eu estiver sorrindo
Pense que este sorriso
Só saiu porque foi preciso
Pois no seu lugar
Deveria rolar...
... uma lágrima.

Roberto / 84

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...