segunda-feira, 8 de março de 1993

Vazio no ar

Algo que incomoda
Que consome tudo por dentro
Se alastra devagar
Preenchendo todos os espaços
Parte de um passado
Muito de um presente
A realidade por trás de uma fantasia
Emoções se perdendo
Tanto pra dar
E tão pouco em troca
Afirmativas tão verdadeiras
Falsidades como respostas
E a palavra até parece
Um jogo de cartas marcadas
Sabe-se sempre quem vai ganhar
Um destino tão mesquinho
Que não deixa escapar nada
Um dia atrás do outro
Outro dia atrás do nada.


Roberto 08 / 03 / 93

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...