domingo, 21 de novembro de 1993

Passos

Perdido por entre ruas
Passos despercebidos se perdem
Desperdiçam sua trajetória
Numa meta sem destino
Passam dias, passos passam
Passo por você
Passo sem graça
Passado vira presente
Em mais um dia de pesadelo.
Passam meses, passos passam
Passo por você
Passos perdidos
Sem sentido em uma noite
Outra noite tão escassa.
Passam pensamentos
Pela mente de quem passa
Pensando num futuro ao seu lado
Passo a passo, tudo passa
Só não passa a certeza
De que um amor também passa
Passei agora ao seu lado
Passo lento
Ainda sem graça.

Roberto 21 / 11 / 93

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...