quinta-feira, 6 de janeiro de 1994

Razão

Não é preciso um momento novo
Uma palavra
Pra descobrir em novos rostos
Um momento eterno.
Cada vida reflete
Os desejos de possuir o poder
Nas esquecem de algo simples
Que é saber viver
E uma vida não se faz
Das vitórias sem resistência
Mas das derrotas
Que incentivam a lutar
Mesmo assim há tanto pra descobrir
Pra chegar a uma meta proposta
E todas as repostas
Resvalam em uma pergunta
Da qual não se pode fugir
Algo simples e enigmático
Que procura nos confundir
Algo assim tão pequeno
E tão forte por dentro
A razão... o porque?

Roberto 06/01/94

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...