domingo, 5 de janeiro de 2003

Sentidos

A saudade é estúpida em meu peito
Não há como não sentir a tua ausência
Nada preenche o teu vazio em mim
Uma falta de todos os sentidos
Respirar é quase impossível, se
Busco em seu ar, oxigênio para minha emoção
Ouvir é inteligível, se
Suas palavras me dizem que não
Ver é inaceitável, se
Meus olhos não captam a tua visão
Tocar é imperceptível, se
Tuas formas não se delinearão
Provar é insípido, se
Os teus beijos nunca me beijarão
Longe de você
De que adianta ter tantos sentidos
Se não faz sentido
Não poder usá-los
Para contemplar você.

Roberto 05/01/03

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...